Cineclube Sesc exibe filmes que destacam o protagonismo feminino no cinema

03.2019 – Cinema e Video – Assim que abro os meus olhos

Foto: Divulgação

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Cineclube Sesc, de 12 de março a 2 de abril, sempre às terças, às 20h no Teatro da unidade, exibe de filmes que destacam o protagonismo feminino no cinema e deixaram marca na história do cinema mundial. Nas exibições obras que renderam premiações a suas diretoras. A entrada é gratuita, sendo necessária a retirada de ingresso com 1 hora de antecedência.

A programação inicia com “Assim que abro os olhos”, em 12/3, o filme apresenta o Verão de 2010 em Túnis, na Tunísia, alguns meses antes da Revolução de Jasmim. Enquanto o regime de Ben Ali cai, Farah (Baya Medhaffer), uma garota de 18 anos, se junta a uma banda de rock politizada e descobre o álcool, o amor e os protestos. Indo contra a vontade da mãe, Hayet (Ghalia Benali), que conhece os tabus do país, Farah mergulha cada vez mais nesse mundo, sem suspeitar do perigo de um regime político que a observa e se infiltra na sua privacidade. Para proteger a filha, Hayet fará o que for preciso, inclusive, reviver as feridas da sua própria juventude.  O longa recebeu Prêmio do Público no Venice Days, Festival de Veneza. O filme é indicado par maiores de 16 anos.

Vencedor do Prêmio Ariel de Melhor Filme Ibero-Americano e vencedor de seis categorias no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro,“Que horas ela volta? ”, em 19/3, apresenta Val, uma empregada doméstica que deixou sua filha Jéssica aos cuidados de parentes em Pernambuco para trabalhar como babá numa família de classe alta em São Paulo. Treze anos mais tarde, ela tornou-se uma segunda mãe para o menino Fabinho. A ação do filme começa quando Jéssica, já adolescente, vai para São Paulo prestar vestibular. Sua personalidade forte quebra a aparente harmonia que existia na casa e põe em xeque as regras sociais vigentes na família. O filme é indicado para maiores de 12 anos.

“Body”, em 26/3, vencedor do Prêmio do Público no Prêmio do Cinema Europeu e Urso de Prata de Melhor Direção no Festival de Berlim, se passa na Polônia dos dias de hoje e conta a história
de um perito criminal, sua filha anoréxica e a terapeuta da garota – que acredita poder se comunicar com pessoas mortas têm suas histórias entrelaçadas. Nessa trajetória, defrontam-se três
abordagens radicalmente diferentes sobre o corpo e a alma. O filme é indicado para maiores de 14 anos.

Encerrando a programação, no primeiro domingo de abril, 2/4, o indicado ao Oscar de Melhor Filme e Melhor Direção e que rendeu à diretora e roteirista Sofia Coppola o Oscar de Melhor Roteiro Original, “Encontros e Desencontros”.  Na trama Bob Harris e Charlotte são dois americanos em Tóquio. Bob, é um decadente astro de cinema que está na cidade para filmar um comercial de uísque. E a bela Charlotte, acompanha o marido, John, um fotógrafo viciado em trabalho. Ambos estão no mesmo hotel, e não se conhecem. Dividem apenas o tédio das horas que custam a passar. Bob, passa quase todo o seu tempo livre no bar do hotel. Enquanto Charlotte, fica horas olhando pela janela de seu apartamento. Até que um dia eles se conhecem e um novo mundo se descortina para ambos. De repente parece mais colorida, mais agitada e mais atraente. E aquelas duas vidas, antes tomadas pelo aborrecimento, ganham novas perspectivas. Nasce entre Bob e Charlotte, uma amizade mágica, uma cumplicidade raramente vista, uma nova forma de ver a cidade e a vida.

Informações sobre o evento

Datas e horários

12/03/2019–02/04/2019

Local

Sesc Piracicaba

Rua Ipiranga, 155

CEP 13400-480

Piracicaba, SP

  • (19) 3437-9292
  • Site

Ingressos

  • Grátis
Aviso: as informações do evento são de responsabilidade do organizador e podem sofrer alterações sem aviso prévio. Confirme antes de sair de casa.

Deixe uma resposta