AHA é constituída e marca uma nova etapa do Salão de Humor

NET - DSC05771Com a presença de alguns dos fundadores do Salão Internacional de Humor de Piracicaba, autoridades, profissionais da área do humor gráfico, da cultura e da comunicação e do marketing, a AHA (Associação dos Amigos do Salão Internacional de Humor de Piracicaba) foi formalizada na última quinta-feira (23), nas dependências do antigo casarão do CEDHU (Centro Nacional de Documentação, Pesquisa e Divulgação do Humor Gráfico de Piracicaba). Presidida pelo professor universitário e presidente do Conselho Consultivo do Salão Internacional de Humor e um dos fundadores do Salão, Adolpho Queiroz, a Associação objetiva contribuir para a expansão das atividades voltadas ao humor gráfico nacional e fomentar uma nova etapa de esforços junto ao Salão de Humor de Piracicaba. De acordo com Queiroz, os 43 anos de história mostram o quanto o humor gráfico enriqueceu em Piracicaba e o quanto o Salão pertence à população piracicabana. “A vinda da sociedade civil reforça esse novo momento, uma vez que o Salão é de Piracicaba, do povo de Piracicaba”, defende.

 

O programador gráfico do CEDHU, Eduardo Grosso, comemora a criação da AHA e defende ser esse, um momento histórico. “É um momento de muita esperança, pois a Associação vai abrir caminhos para os projetos do Salão”. O presidente do Salão Universitário de Humor da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba, Camilo Riani, concorda com Grosso, sugerindo uma união de forças em prol da expansão dos Salões de Humor. Riani ressalta ainda que atuar em prol do humor gráfico requer “amor à cultura, à arte e, sobretudo, ao humor”.

Sorriso Solidário – Para angariar recursos que serão destinados à legalização documental da Associação, a AHA iniciou no último dia 4 a campanha Sorriso Solidário (www.catarse.me/aha): campanha de 45 dias do Catarse voltada a recrutar interessados no financiamento coletivo das atividades da AHA.

Com recompensas customizadas como adesivos, postais com artes de cartunistas premiados, caneca, camiseta e um certificado de Amigo do Salão Internacional do Humor de Piracicaba, o financiamento coletivo prevê investimentos que vão de R$ 20,00 (vinte reais) a R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), sendo que é importante lembrar que a contribuição coletiva, além de fomentar a consolidação da AHA, também representa um SORRISO SOLIDÁRIO, uma vez que parte da renda obtida será doada, em forma de materiais, ao Nariz de Plantão, grupo formado por voluntários que utilizam a figura do clown (palhaço) com o objetivo de resgatar a autoestima e contribuir para o bem-estar físico, psíquico e social em hospitais e Lar de Idosos. “Desta forma, expandimos nossa atuação cultural e artística, ao campo social e humanístico em Piracicaba, através desse grupo que leva alegria aos que mais precisam”, entende o presidente da AHA, Adolpho Queiroz.

Deixe um comentário