Instituto Formar lança livro que resgata a história de 50 anos

Capa-do-livro-comemorativo-aos-50-anos-do-Instituto-FormarO Instituto Formar de Aprendizagem Profissional investiu na recuperação da história e das memórias de 50 anos de sua fundação no livro “Meio Século de Oportunidades Construídas”, escrito pela jornalista Beatriz Vicentini. A publicação será lançada na próxima terça, dia 19, às 20 horas no Salão Nobre do Colégio Piracicabano.

No evento de lançamento, o público vai conferir o Concerto de Aniversário orquestrado pela Banda Musical João Romeu Pitolli sob a regência dos maestros Eloy Porto Neto e Evandro Santos.

O livro está recheado de histórias da instituição relatadas a partir da pesquisa em documentos, publicações em jornais da cidade e captação de depoimentos. De acordo com a escritora, na segunda parte do livro, o leitor vai encontrar histórias da trajetória de ex-guardinhas e atuais aprendizes relatando suas experiências. “São mais de 20 depoimentos de pessoas que atuam hoje, nos mais diversos campos profissionais: música, educação, política, educação física, informática, jornalismo, administração, entre outros”, explica a escritora.

O gerente administrativo do Instituto Formar, Fábio do Amaral Sanches, um dos idealizadores do livro diz que a publicação é o resgate de grandes histórias. “Ao longo dos 50 anos, este é o primeiro livro que retrata a rica história dessa instituição que tem o objetivo de transformar vidas e que faz parte da história e do progresso de Piracicaba”, declara.

“A decisão do Instituto Formar em fazer o livro, foi muito corajosa: rever a história nem sempre é fácil, especialmente quando se faz uma leitura integral, com as dificuldades, os problemas, ao lado do que houve de bom e de conquistas”, disse a escritora Beatriz Vicentini.

 

Sobre o Instituto Formar

A entidade foi criada em 1962 como Guarda Mirim de Piracicaba através da lei municipal de autoria do vereador Armando Pizelli em 1962. No entanto, tornou-se realidade apenas em 1966, depois de aprovadas, dois anos antes, modificações em nova proposta parlamentar do vereador Rubens Leite do Canto Braga, atual vice-presidente da entidade. Foi apenas em 1966 que a entidade foi formalmente instalada e selecionados os primeiros 29 adolescentes que a comporiam.

Em 2012, já distanciada dos regulamentos e características militares, a Guarda Mirim transformou-se em Instituto Formar de Aprendizagem Profissional, onde atualmente são atendidos cerca de 600 adolescentes. Destes, 379 aprendizes estão vinculados a 80 empresas parceiras.

Atualmente, o Instituto Formar de Aprendizagem Profissional tem seu conceito baseado na formação de cidadãos e na socioaprendizagem, por meio da inserção no mundo do trabalho e no ambiente corporativo das empresas e indústrias. Os aprendizes obtêm na prática, a vivência da rotina nos departamentos administrativos das empresas parceiras da organização não governamental.

Título: “Meio Século de Oportunidades Construídas”

Autoria: Beatriz Vicentini

Capa: Marillisi Sbravatti Fantazia

272 páginas, ilustrado.

Editora Rotaplan

Versão digital da obra será disponibilizada gratuitamente a todos os interessados.

Evento: Concerto de Aniversário e lançamento do livro “Meio Século de Oportunidades Construídas”

Data/hora: 19 de abril – 20 horas

Local: Salão Nobre do Colégio Piracicabano – Rua Boa Morte, 1225 – Centro de Piracicaba.

Para participar deste evento, é necessário confirmar presença pelo (19) 3437-8888 ou [email protected]

Apoio Cultural: Centro Cultural Martha Watts e Instituto Educacional Piracicabano (IEP)

Deixe um comentário