Sesc Piracicaba oferece transporte para visitação à Bienal Sesc de Dança em Campinas

Espetáculo Protocolo Elefante – Grupo Cena 11 Cia de Dança (2)

Entre os dias 14 e 24 de setembro, o Sesc Campinas promove a 10ª Bienal Sesc de Dança voltada à recente produção, criação e pesquisa em dança contemporânea.  Com o objetivo de proporcionar o acesso à linguagem, o Sesc Piracicaba disponibilizará aos interessados uma imersão de um dia na Bienal Sesc de Dança no dia 24 de setembro, domingo, com saída da unidade de Piracicaba às 12h e retorno previsto às 19h30. O transporte custa R$ 5,00 para Credencial Plena e R$ 10 para demais interessados.

O passeio prevê visita às seguintes atividades da Bienal: Intervenção: Corredeira – Kanzelumuka; Instalação: Construir uma Biblioteca – Coletivo Mil M2; Performance: Crise – Núcleo Tríade; e Espetáculo: Protocolo Elefante – Grupo Cena 11 Cia. de Dança.

Sobre a Bienal Sesc de Dança
O Festival acontece na cidade de Campinas (SP) trazendo uma mostra da Dança Contemporânea nacional e internacional. Nomes novos e consagrados compõem 67 atividades, entre espetáculos, performances, intervenções, instalações, ações formativas, oficinas, residências, exibição de filmes e lançamentos de livros.

A maratona de dança tem início com o espetáculo Do desejo de horizontes (Du désir d’horizons), do país africano de Burkina Faso – dia 14 de setembro, às 20h no Sesc Campinas. Dirigido pelo coreógrafo Salia Sanou, que vive entre a França e a África e inspirado nos ateliês de dança conduzidos em campos de refugiados africanos, a coreografia é um convite à reflexão sobre a condição do exílio interior que cada um carrega dentro de si.

Para Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc em São Paulo, “a Bienal Sesc de Dança tem como proposição expandir as relações com a dança contemporânea e as reflexões que ela pode suscitar”. Exaltando a tríade de difusão, estímulo e diálogos sobre a qual o Sesc fundamenta seu trabalho no campo das manifestações artísticas, Miranda complementa “as parcerias, como as mantidas com a Prefeitura Municipal de Campinas, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e outros parceiros públicos e privados, enaltecem uma forma de concretizar esse envolvimento, também estimulado por ações programáticas realizadas pelo Sesc ao longo do tempo. As ocupações pelo mobiliário urbano insinuam o convite, e sinalizam a presença da bienal, tornando-se uma marca registrada do acontecimento no corpo da cidade”.

Na edição desse ano, a cidade receberá 67 atrações, distribuídas entre espaços do Sesc Campinas e da Universidade, aparelhos culturais como Teatro Castro Mendes, Estação Cultura, Museu da Imagem e do Som e Armazém CIS Guanabara, além de áreas públicas como ruas, praças e até mesmo a rodoviária municipal. A curadoria do festival, formada por Claudia Garcia, Wagner Schwartz, Fabricio Floro e Claudia Müller, selecionou os artistas/obras, entre 799 inscritos de 32 países, sempre com a proposta de apresentar a multiplicidade do universo da dança e seus hibridismos com outras expressões artísticas, fomentando a produção e ajudando no desenvolvimento de novas criações, enquanto estreita o relacionamento com o público e amplia seu acesso.

Completam a programação workshops, laboratórios de criação, mesas de debates, instalações, residências e lançamentos de livros alusivos ao tema.

SERVIÇO:

Passeio para a Bienal Sesc de Dança em Campinas
Data: 24 de setembro, domingo, 12h.
Saída do estacionamento do Sesc com retorno para 19h30.
Inscrições na Central de Atendimento.
Valores: R$ 5,00 (Credencial Plena) | R$ 10,00 (demais)
Classificação etária: 16 anos.
Informações: www.sescsp.org.br/ bienaldedanca

Deixe um comentário