Última semana para visitar o Salão de Humor de Piracicaba

Personalidades do Brasil e do mundo estão reunidas no interior de São Paulo, mas só até domingo, 14 de outubro. O atacante Neymar, a presidente Dilma Rousseff, o cubano Fidel Castro, o jazzman Louis Armstrong e os humoristas Jaguar e Chico Anysio. É celebrando a variedade que o 39o Salão Internacional de Humor de Piracicaba chega aos últimos dias. Às margens do rio que dá nome à cidade, o público pode conferir a mostra principal. Outras 20 exposições paralelas permanecem abertas em diferentes locais de Piracicaba. A entrada é gratuita.

A mostra principal do Salão, a maior da história, está em cartaz no Armazém 14 do Engenho Central, imponente edifício em estilo francês do século 19 que é um dos principais cartões postais de Piracicaba. O espaço fica aberto de terça a quinta-feira, das 14h às 18h, e sextas, sábados, domingos e feriados, das 10h às 21h.

São 436 charges, cartuns, caricaturas e histórias em quadrinhos de humor que propõem a reflexão sobre assuntos sérios como escândalos políticos, miséria, religião, autoritarismo e meio-ambiente. Os trabalhos foram produzidos por artistas de 64 países, entre eles Turquia, Irã, Azerbaijão, México, Albânia, Rússia, Macedônia, Cuba e Romênia.

 

SERVIÇO39º Salão Internacional de Humor de Piracicaba. Até 14 de outubro no Engenho Central (avenida Maurice Allain, 454). De terça a quinta-feira, das 14h às 18h; sextas, sábados, domingos e feriados, das 10h às 21h. Informações: (19) 3403-2615 ou salaodehumor.piracicaba.sp.gov.br. Entrada gratuita.

 

Deixe um comentário