Piracicaba, Mon Amour

mon amour

Divulgação

O Salão Internacional de Humor de Piracicaba fica em cartaz até o dia 12 de outubro no Engenho Central. Além dos cartuns selecionados, as mostras paralelas são outro grande destaque. Neste ano, especialmente, em que a cidade completa 250 anos, a lista de atrações está bastante atraente.

Grandes artistas – o francês Jean Mulatier, o colombiano Zuleta, o mexicano Arturo Kemchis e os brasileiros Junião, Mariza Dias Costa, Amaro entre outros – ganham retrospectiva. Destaque especial, neste cardápio, é para a mostra Piracicaba Mon Amour.

O título em francês não é mera coincidência. O nome vem da participação de Claude Moliterni na segunda edição do evento, em 1975. Ele ficou maravilhado com a cidade e logo em seguida editou um álbum em que seu personagem, Harry Chase, vive aventuras em Piracicaba. Além disso, estão expostos trabalhos de vários artistas brasileiros ambientados na cidade, com curadoria de Gualberto Costa e Daniela Rangel. Horário de visitação: quinta e sexta, das 9h às 17h. Sábados, domingos e feriados das 14h às 19h. Entrada gratuita.

Deixe um comentário