Sucesso fora de série

Processed with VSCOcam with c1 preset

Editora Ática

O título Os 13 Porquês (Editora Ática, 256 páginas, R$ 29,900) não esconde o sucesso. Sim, trata-se do livro que deu origem a 13 Reasons Why, série de maior sucesso (e polêmica) da Netflix, exibida no início deste ano. Foi lançado no Brasil pela Ática, em 2009, sem maior repercussão. Claro que agora é reeditado, com maior campanha de divulgação, aproveitando o sucesso do programa, que tem continuação garantida para 2018.

O tema (acredito que agora todo mundo sabe) é suicídio. E por isso foi tão comentado, já que na série a protagonista tira a própria vida de maneira impactante, cortando os pulsos de maneira impactante, com direito a muito sangue. No livro o “ato final” é bem mais sutil. Assim como a escrita do autor, que deixa claro ainda ser um iniciante (foi seu primeiro livro).

Seu texto não tem estilo brilhante. Ele ganhou pontos (e a obra chegou a ficar em primeiro lugar na lista dos mais vendidos do New York Times em 2011) pela trama bem montada. Hannah, a garota que desiste de tudo, grava sete fitas cassete em que narra os 13 motivos, e consequentemente as 13 pessoas que a fizeram tomar tal atitude. Um por um, todos recebem as fitas. Alguns nem se abalam, mas Clay, que gostava dela, fica tremendamente abalado. O livro seria adaptado em 2011 com Selena Gomez no papel principal. O projeto foi engavetado, mas Selena foi uma das produtoras do seriado.

Deixe um comentário