Arapuca, primeiro restaurante

A história de Piracicaba passa pela rua do Porto. E a rua do Porto tem, no restaurante “Arapuca”, como que um símbolo de resistência e de manutenção das tradições. O lugar, tendo sido venda e olaria no final do século XIX, adquirido por Afonso Senofonte Pecorari, passou, por herança, a seu filho Alidor e deste a seus filhos Nida, Paulo e Hélio Pecorari. Foi com Hélio e Paulo Pecorari que se criou o Restaurante Arapuca, no ano de 1969, o pioneiro na rua que se tornou o principal ponto de encontro da Cidade e centro turístico. No ano 2000, as tradições da “Arapuca” se mantêm com o casal Hélio e Alaíde Pecorari e os filhos Paulo César e Marcos.

1 comentário

  1. Jurandir em 09/10/2012 às 10:07

    Que saudades eu e meus amigos da saudosa CODISTIL eramos frequentadores assíduos do Arapuca até o garçom "JOÃO" já falecido, que sempre nos atendia acabou virando nosso amigo, eramos de casa. VIDA LONGA AO ARAPUCA!!!!

Deixe um comentário