Cooperativa de cana na luta pelo açúcar

A Cooperativa Central dos Plantadores de Cana do Estado de São Paulo foi criada em Piracicaba, em outubro de 1948, em encontro que contou inclusive com a presença do presidente do Instituto do Açúcar e do Álcool, Edgard Góes Monteiro.

Tratava-se de um período em que, por todo o país, os produtores de cana buscavam organizar-se na defesa de seus interesses. O movimento era tão grande que até mesmo o Almanaque para 1949, de Aparício Torelly, o “Barão de Itararé – grande humorista e artista gráfico – incluiu publicidade da Federação dos Plantadores de Cana do Brasil, com sede no Rio de Janeiro.

Além do texto publicitário de primeira qualidade, o anúncio informava que a Federação já contava com 27 associações de plantadores de cana e 10 cooperativa, que, através do IAA, promoviam a difusão do crédito.

Deixe um comentário