Noite de serenatas no bi-centenário

Envolta em uma extensa programação comemorativa aos bicentenário de sua fundação, Piracicaba viveu, entretanto, uma noite e uma madrugada muito especiais nos dias 31 de julho e 1 de agosto de 1967, pouco lembrada pelos historiadores.

Uma comemoração emocionou e integrou centenas de piracicabanos, pelas ruas. É que especialmente no centro da cidade, grupos de “serenatistas”, como registrou o Jornal de Piracicaba, passaram a noite interpretando, pelas ruas, as mais conhecidas músicas do cancioneiro local, transformando quarteirões em espaços de serenatas que se prolongaram durante horas.

A maioria da população aprovou e, em muitas casas, famílias abriam suas portas para receber os músicas e seresteiros com bebidas e salgados, numa confraternização cada vez mais alegre.

 

 

Deixe um comentário