O 79º aniversário do COLÉGIO PIRACICABANO

A 13 de Setembro de 1881 foi aberto em Piracicaba o conhecido educandário “Colégio Piracicabano”. Em 1884, ele passou a funcionar em casa própria na Rua Boa Morte, onde se encontra até os dias de hoje. Em setembro de 1960, a Revista Mirante, nº 43, falou sobre o aniversário de 49 anos desse colégio. Confira texto de Jair Toledo Veiga.

“A 13 de Setembro de 1881 foi aberto em Piracicaba o conhecido educandário “Colégio Piracicabano”, numa pequena casa alugada na Rua dos Pescadores, hoje Prudente de Moraes, nas proximidades do Largo São Benedito, mudando-se logo depois para a rua São José, no prédio onde até há pouco existia a “Farmácia Normal” para, em 27 de Janeiro de 1884, passar a funcionar em casa própria, no mesmo local onde atualmente se acha, na rua da Boa Morte.

Foi fundado sob os auspícios das senhoras metodistas do Sul dos Estados Unidos, pela sempre lembrada Miss Manha H. Watts, com a finalidade de dar uma educação liberal às jovens piracicabanas para estenderem o seu horizonte cristão tanto como o intelectual.

Escolhendo o caráter cristão como o melhor de todos, o estabelecimento procura colocar perante os olhos dos alunos tanto pelo exemplo como por preceitos, a mais alta moral, facultando-lhes os meios convenientes para que possam alcançá-la.

Tendo os princípios das Escrituras Sagradas como alicerces, pedra angular, superestrutura e teto do edifício moral que se chama caráter, vem o tradicional Colégio, crescendo com a cidade de Piracicaba, empreendendo com firmeza essa gloriosa tarefa.

No seu internato, desde a instalação na sua própria casa, foram recebidas as filhas dos mais importantes fazendeiros e outros homens progressistas, como o vem fazendo até hoje. As ex-alunas e ex-alunos encontram-se em todo o Brasil e são todos cidadãos úteis à Nação.

Acompanhando o grande desenvolvimento da instrução pública, durante estes últimos anos, o educandário tem sempre aumentado o seu programa de estudos e seus edifícios. Acha-se abrigado em prédios espaçosos e cômodos e os seus cursos o colocam entre os melhores Colégios de qualquer País, constituídos aqueles de Jardim da Infância (modelo), Curso Primário, Ginásio Diurno e Noturno, Científico, Normal, Aperfeiçoamento do Normal, Técnico de Contabilidade, Comercial Básico, Datilografia, Preparatório ao Ginásio, Pintura e Curso de Música: Piano, Violino, Harmônica, Violão, Teoria e Solfejo.

A data comemorativa é pois de real importância e o passado do educandário é razão de sobra para rejubilar-se o povo piracicabano porque é um valioso veículo de progresso intelectual e moral que se consolida e se amplia nesta inconfundível Noiva da Colina. Justifica-se o entusiasmo do programa comemorativo levado a efeito na sua data máxima, no qual o orador oficial dr. Francisco Antonio Coelho não esqueceu de homenagear a diretora-fundadora e sucessores que tenazmente lutaram pelo seu engrandecimento.

Ao “PIRACICABANO” pois deve ser tributada a homenagem que merece.”

Deixe um comentário