Sociedades Médicas de Piracicaba (IV)

Sociedade de Medicina e Cirurgia da Santa casa de Misericórdia

A 25 de janeiro de 1947 fundava-se em Piracicaba essa sociedade dos Médicos da Santa Casa de Misericórdia. De acordo com seu regulamento, regia-se a Sociedade por uma diretoria eleita pro votação secreta, e tinha por finalidade proporcionar a seus associados reuiões mensais de caráter médico-científico.

Além da parte científica, a Sociedade desenvolveria um maior convívio social entre seus membros.

A Sessão inaugural realizou-se em dependência do Hospital da Santa Casa de Misericórdia, contando como conferencista Dr. Darcy Villela Itiberê que abordou o tema “Clínica e patologia da calculose renal”.

A Sociedade de Medicina e Cirurgia da Santa Casa de Misericórdia, sempre atuante, subsistiu até o ano de 1950 quando interrompeu suas atividades. Neste ano, a Associação Paulista de Medicina, que desde seu início congregava apenas os médicos da Capital, decidiu estender seu âmbito de ação a todo o Estado, criando Seções Regionais e Filiadas. Os sócios do Interior adquiriam assim as mesmas regalias daqueles da Capital, principalmente a oportunidade ouvi palestras, cursos, conferências, ministrados pelos mais renomados profissionais da Medicina. Em Piracicaba, o grande batalhador para a instalação Regional foi o Dr. Luiz Gonzaga de Campos Toledo.

Deixe um comentário