USP- 75 anos: ministros e secretários de Estado Esalqueanos

Em 2009, a Universidade de São Paulo (USP) irá completar gloriosos 75 anos de existência. Entre as instituições que a constituíram inicialmente está a ESALQ, um dos pilares da universidade e, também, do desenvolvimento da agricultura brasileira.

Dos bancos da ESALQ, saíram alunos que se tornaram grandes personalidades na vida nacional, ocupando postos de relevância e de alta significação política. Na comemoração da 51ª Semana Luiz de Queiroz (6/11 de outubro de 2008), a ADEALQ, em parceria com ESALQ/USP, recuperou essa memória, divulgando os nomes e fotos dos esalqueanos que ocuparam ministérios e secretarias de Estado.

Ministros de Agricultura

O primeiro esalqueano a ocupar o Ministério da Agricultura foi Fernando de Souza Costa, ainda na ditadura de Getúlio Vargas. Os primeiros piracicabanos natos, também esalqueanos, nomeados para o mesmo cargo foram Hugo de Almeida Leme, ex-diretor da ESALQ, e José Carlos Piffer, interino, durante o governo militar do Marechal Castello Branco (1964/65).

Secretários de Agricultura

O primeiro secretário da agricultura esalqueano de São Paulo foi, ainda, Fernando Costa, ainda na República Velha, no período 1927/30. João Pacheco e Chaves foi o primeiro piracicabano, egresso da ESALQ, a ocupar o posto, de 1951 a 1953. Pacheco e Chaves seria destacado líder político, deputado federal, ocupando outros altos cargos da República. Dois esalqueanos ilustres, pai e filho, ocuparam também a secretária da Agricultura: Antônio José Rodrigues Filho (1964/65, 1969/70), tendo-se tornado também vice-governador de São Paulo, e o filho Roberto Rodrigues (1993//1994), também ministro da Agricultura.

 

Outras Secretarias

Esalqueanos também ocuparam outras secretarias de Estado em São Paulo, entre eles, o ex-prefeito e deputado federal Antônio Carlos de Mendes Thame.

 

Deixe um comentário