O Papel Pioneiro de Piracicaba na Construção Fabril na Província de São Paulo (VII)

Figura 04: Engenho Central de Piracicaba, no início do século XX. Arquivo DPH IPPLAP

Figura 04: Engenho Central de Piracicaba, no início do século XX. Arquivo DPH IPPLAP

Em 1989 o Parque do Engenho Central foi desapropriado e posteriormente Tombado em nível municipal. Antes de sua abertura à população, todo o maquinário foi retirado pelos antigos proprietários, ação esta que danificou parcialmente vários dos edifícios.

O Parque do Engenho Central é utilizado para fins culturais, festas beneficentes, feiras e exposições, além de sediar a Secretaria Municipal da Ação Cultural e o Salão Internacional de Humor. Entre os principais eventos estão a Festa das Nações, que ocorre no mês de maio, promovido pelo Fundo Social de Solidariedade, onde entidades beneficentes promovem restaurantes de pratos típicos de diversos países; o espetáculo da Paixão de Cristo na Semana Santa, sendo uma das maiores montagens do gênero no Brasil; o SIMTEC, Simpósio Internacional e Mostra de Tecnologia da Agroindústria Sucroalcooleira; além de shows com artistas de reconhecimento nacional e demais feiras e eventos. Um teatro municipal têm inauguração prevista para breve e o projeto de um museu com temática referente à agroindústria deve se iniciar em 2012 em parte de seu conjunto edificado.

Marcelo Cachioni
Diretor do Departamento de Patrimônio Histórico do IPPLAP Piracicaba-SP
Professor de Patrimônio Histórico na ASSER Rio Claro-SP e Técnicas Retrospectivas na FIEL Limeira-SP.

 

Deixe um comentário