No Teatro, a primeira biblioteca

No Teatro a primeira biblioteca

No velho Teatro Santo Estêvão, Piracicaba teve a primeira biblioteca do interior do Brasil.

Na foto, de autor desconhecido, uma visão quase completa do velho Teatro Santo Estêvão, já decadente no final dos 1940, início dos 1950. Outro marco histórico do velho teatro – derrubado sem grandes questionamentos, num tempo em que se começava a destruir a memória do País – estava no fato de ter abrigado a primeira biblioteca do Interior do Brasil, a Biblioteca Municipal de Piracicaba, criada pelo então prefeito municipal, Ricardo Ferraz de Arruda Pinto, em 1939. O prefeito Ricardo fora nomeado pelo então interventor de São Paulo, o também piracicabano Adhemar de Barros.

A biblioteca começou a funcionar em 31de maio daquele ano, com um acervo de 873 livros. O primeiro diretor foi o jornalista, historiador e dramaturgo Leandro Guerrini que teve, em José Mário Orsi, um fiel escudeiro por muitos e muitos anos. Com a queda do teatro, a bilbioteca se tornou como que itinerante, tantos os lugares que veio a ocupar na cidade, estando, neste ano de 2009, à espera de um espaço definitivo.

 

Deixe um comentário