Quando era Sucrérie

Quando era Sucrérie

A história do Engenho Central, mais do que centenária, é pontuada por grandes momentos de vitalidade e sucesso, apesar de um final melancólico quando se tornou propriedade do ex-secretário de finanças de São Paulo, Adolfo da Silva Gordo, de tradicionalíssima família originária de Piracicaba.

No período em que pertenceu à Societé de Sucrérie Brésilienne, empresa francesa, o Engenho Central conheceu período de glórias. A mesma sociedade francesa foi proprietária também do Engenho de Rafard, cidade cujo nome é homenagem ao engenheiro francês que a desenvolveu. A foto, da década de 1910 – copiada de revista italiana de nome desconhecido – mostra o Engenho Central quando pertencia à Sucrérie. Um de eseus últimos produtos, de fama mundial, foi o licor Napolén, além da grande produção de açúcar.

Deixe uma resposta