Arco, Tarco, Verva: Dicionário do Dialeto Caipiracicabano

Bacaiau

Os não-iniciados nesse refinado dialeto podem supor que bacaiau é o mesmo que o “Gadus morrhua”, o peixe teleósteo, anacantino, da família dos gadídeos, o puro e simples bacalhau. Pode ser também isso. Mas bacaiau é, antes de mais nada, um estado, uma situação. Amante caipiracicabano, quando a muié vai chegando perto, costuma avisar: “Hoje, num vem que num tem. Eu tô um bacaiau.” Significa estado de estafa, de cansaço, de depauperação.

 

Deixe um comentário