Arco, Tarco, Verva: Dicionário do Dialeto Caipiracicabano

Mãe do sarampo

Tudo aquilo que é exageradamente feio, que está desconnjuntado, é mãe do sarampo. Quando a veiarada das novelas do século passado aparece na televisão, o povo comentava, assustado. Do Paulo Autran: “Meu Deu! Ele era tão bacana e, agora, parece a mãe do sarampo.”

 

Deixe um comentário