XV sofre revés e termina como segundo colocado do grupo 3

RED BULL X XV PIRACICABA 06

XV de Piracicaba e Red Bull decidiram na manhã deste domingo, 18, a liderança do grupo 3 em confronto disputado no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Com um gol marcado por Erik, aos 46 minutos do segundo tempo, o Toro Loko venceu por 1 a 0, chegou aos 26 pontos e desta forma terminou em primeiro lugar. O Nhô Quim ficou na segunda colocação, com 24 pontos, e na segunda fase enfrentará Penapolense, São Carlos e Água Santa. Bragantino, com 18 pontos; São Paulo, com 15; Paulista, com 14 pontos somados; Ituano, com 13; e Juventus, com seis pontos obtidos, completam a tabela de classificação da chave.

 

O jogo

Mesmo com a vantagem de jogar pelo empate para obter a primeira colocação do grupo 3, o XV de Piracicaba foi quem começou atacando, principalmente em jogadas pela direita com Zé Mateus. Porém, foi pelo esquerdo que surgiu a primeira boa chance do Nhô Quim. Aos 15 minutos, Bruninho ganhou dividida, invadiu a área adversária, fez o cruzamento rasteiro, Guilherme Lazaroni fez o corte em direção ao gol e obrigou Saulo a fazer boa defesa.

Com maior posse de bola no campo de ataque, o Alvinegro controlava o jogo e os mandantes buscavam responder em contra-ataques. Aos 27 minutos, Guilherme Lazaroni chutou forte de fora da área, pela esquerda, e Mateus Pasinato espalmou bem. Três minutos depois, de novo pela direita, Zé Mateus cruzou rasteiro e Rodolfo desviou, mas não o suficiente para marcar. Aos 34 minutos, o próprio Zé Mateus finalizou com força da entrada da área e Saulo defendeu.

Outra grande oportunidade de gol para o XV foi construída aos 39 minutos, quando Rodolfo deu belo passe Romarinho dentro da área. O meio-campista bateu colocado, buscando o canto direito, mas o arqueiro do Toro Loko impediu que o Nhô Quim abrisse o placar de novo. Antes do término da etapa inicial, no entanto, aos 47 minutos, quem assustou foi o Red Bull. Erik, próximo à risca da pequena área, chutou rasteiro, mas a bola passou por Milton Junior, que não conseguiu desviar.

Depois do intervalo, os mandantes equilibraram as ações. O técnico Maurício Barbieri colocou Gabriel Silva em campo aos 11 minutos e logo em sua primeira jogada, o atleta limpou a marcação, invadiu a área e bateu cruzado. A bola desviou na defesa quinzista e saiu pela linha de fundo. Após a cobrança de escanteio, Willian Rocha carimbou o travessão e quase marcou. Na sequência da partida, os jogadores começaram a sentir o forte calor e as jogadas criadas começaram a diminuir.

O Toro Loko ameaçou a meta de Mateus Pasinato novamente aos 35 minutos depois que Cunha pegou mal na bola, Erik recuperou e tocou para Welington Rato. O atacante tocou para o gol e Rodrigo salvou em cima da linha. O XV exigiu nova intervenção de Saulo em cobrança de falta lateral de Zé Mateus aos 38 minutos. O goleiro mandou para escanteio. Quando o jogo parecia que encaminharia para o 0 a 0, Guilherme Lazaroni cobrou escanteio e a bola chegou até Erik, que encheu o pé e marcou o tento que deu a liderança da chave para sua equipe.

 

Deixe um comentário