Acipi recebe prêmio de melhor associação em desenvolvimento local

A Acipi (Associação Comercial e Industrial de Piracicaba) recebeu na última sexta-feira, 6, durante o encerramento do 16º Congresso Estadual da Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo), pelo segundo ano consecutivo, o Prêmio AC Mais na categoria desenvolvimento local, como a melhor associação em participação na sociedade, cultura da cooperação, apoio e execução de projetos sociais, culturais e de desenvolvimento empresarial.

O Prêmio AC Mais é uma ação instituída pela Facesp, com o objetivo destacar e reconhecer as associações comerciais por meio de melhores práticas e resultados. Dentre as ações do Prêmio AC Mais, se destaca o mérito do reconhecimento às entidades que atuaram na busca do alcance da sua missão e visão, e que, consequentemente, obtiveram resultados que atenderam às necessidades de suas partes interessadas: associados, colaboradores, sociedade e outras entidades.

Para o presidente da Acipi, Paulo Roberto Checoli, é motivo de muita alegria saber que as ações são acompanhadas e reconhecidas. “Trata-se do reconhecimento de um trabalho árduo, que a entidade vem desenvolvendo ao longo de todas as suas gestões, cujos frutos vêm sendo colhidos, nos últimos anos. No ano passado, fomos agraciados com a honraria, a qual voltamos a receber neste ano. Isso é extramente positivo para a Acipi, pois demonstra que estamos no caminho certo e distingue nossa atuação, que sempre foi pautada na realização de ações que contribuam para o desenvolvimento da comunidade, na qual estamos inseridos”, destacou.

Também concorreram ao prêmio nesta categoria, as associações comerciais de Guarulhos e São Carlos.

Realizado na cidade do Guarujá de 4 a 6 de novembro, o 16º Congresso Estadual da Facesp teve como tema “Novas ideias. Construindo caminhos” e o objetivo do evento foi estimular o ato de empreender por meio de debates, apresentações e capacitação, ressaltando a importância do empreendedorismo como fator principal no desenvolvimento da sociedade.

Deixe um comentário