Cesta Básica de Piracicaba volta a subir

images (4)O preço médio da Cesta Básica de Piracicaba ICB – ESALQ/FEALQ, calculado pela EJEA, para a semana encerrada no dia 8 de novembro de 2013, apresentou aumento de 0,45% em relação à semana anterior, passando de R$ 408,86 para R$ 410,69.

A categoria Alimentos aumentou 1,18%, passando de R$ 330,66 para R$ 334,56. A categoria Limpeza Doméstica caiu 2,36%, passando de R$ 43,58 para R$ 42,55. O mesmo aconteceu com a categoria Higiene, com queda de 3%, passando de R$ 34,62 para R$ 33,59. Os produtos com destaque nessa análise são a salsicha e a batata.

A salsicha foi o produto com maior aumento na Cesta, subindo 32,77% na semana, passando de R$ 4,98/kg para R$ 6,62/kg.

O aumento no preço está relacionado à redução de oferta de carne suína, principal insumo da salsicha. Segundo o CEPEA – ESALQ/USP, no primeiro semestre do ano o preço do suíno estava baixo. Sem opção, muitos produtores tiveram que vender animais abaixo do peso ideal para manter a receita. Como resultado, neste segundo semestre, houve redução da oferta, pressionando o preço para cima.

O preço da batata apresentou aumento de 24,64% na semana, passando de R$ 2,07/kg para R$ 2,57/kg. Segundo o portal Notícias Agrícolas, a produtividade foi prejudicada por adversidades climáticas em algumas das principais regiões produtoras de batata do país. Em Vargem Grande do Sul (SP) a quebra foi de 20%. Além disso, a expectativa de maior oferta e preços mais baixos em outubro, muitos produtores adiantaram a colheita, o que resultou na baixa qualidade da batata. Desta forma, houve a redução da oferta do produto, elevando seu preço.

Deixe um comentário