Diferença de preços entre os panetones chega a 108%

Receita-Ceia-Natal-iStock-gA Empresa Júnior de Economia e Administração (EJEA) realizou, entre 21 de novembro e 16 de dezembro, a pesquisa de preços dos principais produtos natalinos em oito supermercados de Piracicaba.

O preço médio do panetone de 1 kg aumentou 9,03% em relação ao natal de 2015, passando de R$ 29,75 para R$ 32,44 este ano. A diferença de preços entre os mercados pesquisados atinge 108%. O mais barato encontrado foi R$ 16,18 enquanto o mais caro foi R$ 33,90. A marca líder de mercado pode ser adquirida com uma variação de R$ 0,58 dependendo do mercado escolhido.

O preço médio do panetone de 500g aumentou 15,9%, custando R$ 14,50 neste ano. No natal passado o preço médio tinha sido R$ 12,51. A marca líder no mercado pode ser encontrada por R$ 17,02 e a diferença de preços entre mercados para esta marca foi de 7,73%.

O preço médio dos chocotones de 500g atingiu R$ 15,01, representando um aumento de 17,65% em relação ao natal de 2015, quando tinha sido R$ 12,76. Na marca líder, o preço médio é de R$ 17,02, com 8,62% de variação de entre os mercados. O consumidor que procura economizar nesse fim de ano deve estar atento e pesquisar por marcas mais baratas, pois os preços médios variaram, em média, entre R$ 9,94 e R$ 17,02 de uma marca para outra.

O Chester (tradicional) apresentou cotação média de R$ 15,40/kg, representando um aumento de 1,33% em relação ao natal passado. A diferença de preços entre os supermercados foi de R$ 2,69. Para o produto da marca líder de mercado, o valor mais barato foi R$ 14,79/kg e o mais caro, R$ 17,48/kg.

O aumento do peru foi de 5,76% em relação a 2015, passando de R$ 14,57 para R$ 15,41/kg, neste ano. Da mesma forma que nos outros produtos, existe diferença de preços entre os pontos de venda. No mais barato, foi encontrado por R$ 15,04/kg, enquanto no supermercado mais caro, por R$ 15,90/kg. A diferença é de 5,72% entre eles. Existem, também, variações consideráveis nos preços entre as diferentes marcas. Enquanto a marca mais barata atinge média de R$ 14,48/kg, a mais cara é vendida por R$ 16,37/kg.

O tender é um produto que merece atenção na hora da compra por conta dos preços que podem variar de R$ 22,90/kg até R$ 49,90/kg. Isso representa uma diferença de 118%. Na média, o preço foi estimado em R$ 40,11 que, em relação ao preço de R$ 33,68 do ano passado, aumentou 19,1%.

Em contrapartida, no caso do lombo, houve queda de 13,52% atingindo R$ 18,31/kg neste ano. A marca mais barata pode ser encontrada por R$ 13,00/kg enquanto a líder de mercado pode ser encontrada por até R$ 22,90/kg.

O preço médio das frutas secas foi estimado em R$ 17,50/kg, que é R$ 2,42 maior do que o ano passado. A diferença entre mercados diminuiu bastante, mas continua valendo a pena pesquisar porque os preços variam de R$ 9,29/kg a R$ 19,95/kg.

O preço médio das sidras neste ano atingiu R$ 9,83/garrafa, com aumento de 6,29% em relação ao ano anterior (R$ 9,24/garrafa de 660ml, em 2015). Entre os mercados pesquisados foi encontrada uma diferença de R$ 3,76/garrafa.

Deixe um comentário