Exposição sobre cultura caipira segue até domingo em Joaquim Egídio

Foto: Rodrigo Alves

Foto: Rodrigo Alves

A exposição itinerante Porta, Porteira e Portão – Modos de ‘Falarrr’ e Costumes do ‘Interiorrr’, em cartaz em Campinas, encerra sua visitação este fim de semana, no Centro de Cultura Caipira e Arte Popular, no distrito de Joaquim Egídio. A entrada é gratuita.

A exposição é realizada com recursos do Programa de Ação Cultural (ProAC), do Governo do Estado de São Paulo, e tem o apoio do Sistema Estadual de Museus (Sisem-SP) e do Museu da Cidade. As visitas podem ser feitas das 10h às 17h de sábado, 6, e domingo, 7.
Romper o conceito de que a cultura caipira é atrasada é uma das intenções da mostra. “O nosso trabalho é o de resgatar as lembranças cotidianas”, diz o museólogo Rodrigo Santos, curador da exposição. “Queremos despertar o sentimento de nostalgia”, completa Renata Gava, historiadora, que também assina a curadoria.
Artes, culinária, religiosidade, música, folclore e festas são os eixos temáticos trabalhados, numa leitura contemporânea dos objetos, como acontecem com os antigos monóculos fotográficos expostos. A mostra traz ainda curiosidades sobre superstições, contos, causos e simpatias, além de instalações interativas.
Itens que integram o acervo do Museu da Cidade, responsável pelo Centro de Cultura Caipira, estão incluídos na exposição. Entre eles pilão, chaleira de ferro, porta-ovos de arame e ralador de mandioca, selecionados por Adriana Barão, do Museu da Cidade.
Desenvolvida especialmente para a região de Campinas, a itinerância da mostra contempla seis cidades. O primeiro espaço a receber o material foi o Cedoc (Centro de Documentação Histórica) da Fundação Romi, em Santa Bárbara d’Oeste, entre fevereiro e março. O próximo destino é a Câmara Municipal de Cordeirópolis, de 10 de maio a 16 de junho.
SERVIÇO – “Porta, Porteira e Portão: Modos de ‘Falarrr’ e Costumes do ‘Interiorrr'”, no MuCi – Centro de Cultura Caipira e Arte Popular (rua José Ignácio, 14, Distrito de Joaquim Egídio, no Casarão da Subprefeitura). Entrada gratuita. Visitas no sábado, 6, e domingo, 7, das 10h às 17h. Informações: (19) 3705-8172.

Deixe um comentário