IBE-FGV abre edital para concurso de bolsas integrais para cursos de pós-graduação

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo de concessão de bolsas integrais da IBE-FGV. Ao todo, serão 10 beneficiados, entre cursos de MBA (07) e pós-graduação em administração de empresas (3). Qualquer pessoa que possua graduação com mais de 1.600 horas/aulas pode participar do processo seletivo. As inscrições são gratuitas e ficarão abertas até o dia 05 de julho.

As bolsas serão distribuídas em três unidades da instituição: Campinas, que terá três bolsas de MBA e uma de pós-graduação; Jundiaí, com duas de MBA e uma para pós-adm; e Piracicaba, sendo duas para MBA e uma para pós-adm. Os candidatos devem comprovar condições de vulnerabilidade social. Para isso, será considerada a renda mensal bruta de toda a família, que não deve passar de dois salários mínimos por pessoa.

Segundo o presidente da IBE-FGV, Heliomar Quaresma, a iniciativa pretende expandir o acesso aos cursos com a qualidade da Fundação Getúlio Vargas. “Estamos contribuindo para o crescimento da região e do país. A nossa intenção é que mais pessoas possam ter formação de qualidade. Quem ganha com isso são as empresas, a economia e a sociedade”, destaca Quaresma.

As provas serão realizadas preferencialmente na unidade IBE-FGV de Campinas. A seleção será composta por uma prova, com data a ser definida, com 30 questões, sendo 10 de raciocínio lógico, dez de raciocínio analítico e o restante de conhecimentos em português. As inscrições serão efetuadas exclusivamente pelo site www.intersector.com.br, de 21/06/2013, até as 23h59 do dia 05/07/2013.

Sobre a IBE-FGV

A Fundação Getulio Vargas, fundada em 1944, é reconhecida como a melhor escola para preparação de executivos do Brasil. A IBE-FGV começou em 1996 e atualmente forma a maior e mais completa rede de escolas de negócio FGV no interior paulista e uma das maiores do Brasil. A IBE-FGV já formou mais de 30 mil executivos e possui nove unidades, em Americana, Araras, Campinas, Jundiaí, Limeira, Piracicaba, Paulínia, Vinhedo e Rio Claro.

Deixe um comentário