Nussio e Dourado são eleitos Diretor e Vice-Diretor da Esalq

Foi realizada nesta quarta-feira, 05 de novembro, a eleição para a escolha do diretor e do vice-diretor da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ), gestão 2015-2018. Como candidatos declarados a ocupar o cargo de diretor da ESALQ participaram do processo os professores  José Nivaldo Garcia, do Departamento de Ciências Florestais (LCF), José Otávio Machado Menten, do Departamento de Fitopatologia e Nematologia (LFN), e Luiz Gustavo Nussio, do Departamento de Zootecnia (LZT).

Além desses, nesse processo são elegíveis todos os professores titulares e professores associados 3 da ESALQ, exceto aqueles que tiveram seus pedidos de dispensa aprovados pela Congregação. São eleitores todos os membros da Congregação e dos Conselhos de Departamento da ESALQ.

 

Eleição do diretor

O primeiro escrutínio, que teve início às 07h30, no saguão do Salão Nobre do Edifício Central da Escola apresentou o seguinte resultado:

  • Luiz Gustavo Nussio: 65 votos
  • José Otávio Machado Menten: 34 votos
  • José Nivaldo Garcia: 11 votos
  • Marcos Vinícius Folegatti: 4 votos
  • Joaquim Bento de Souza Ferreira Filho: 1 voto
  • Paulo Leonel Libardi: 1 voto
  • Brancos: 01
  • Nulos: 09
  • Total de eleitores: 162
  • Total de votantes: 126

Como no primeiro escrutínio nenhum dos candidatos obteve a maioria absoluta dos votos, realizou-se o segundo escrutínio entre os dois candidatos mais votados. A segunda votação teve início imediatamente após a apuração do escrutínio anterior, às 09h45, estabelecendo-se um prazo de 60 (sessenta) minutos para votação.

O resultado do 2.º escrutínio da eleição para escolha do diretor da ESALQ foi:

  • Luiz Gustavo Nussio: 72 votos
  • José Otávio Machado Menten: 47 votos
  • Brancos: 1 voto
  • Nulos: 2 votos
  • Total de eleitores: 162
  • Total de votantes: 122

 

Eleição do vice-diretor

Também nesta quarta-feira, 05 de novembro, entre 13h30 e 15h00, no saguão do Salão Nobre (Edifício Central), foi realizada eleição distinta para vice-diretor da ESALQ, valendo as mesmas regras da eleição para diretor. Dessa forma, membros da Congregação e dos Conselhos de Departamentos votaram no primeiro e segundo escrutínios, pois no primeiro o candidato mais votado não obteve a maioria absoluta dos votos. O resultado do primeiro escrutínio ficou assim:

  • Durval Dourado Neto: 67 votos
  • Marcos Milan: 22 votos
  • José Otávio Machado Menten: 16 votos
  • José Nivaldo Garcia: 4 votos
  • Ricardo Ribeiro Rodrigues: 1 voto
  • Brancos: 1 voto
  • Nulos: 5 votos
  • Total de eleitores: 162
  • Total de votantes: 116

O 2.º escrutínio aconteceu das 15h30 às 16h30, tendo como candidatos os dois nomes definidos no 1.º escrutínio: Durval Dourado Neto, do Departamento de Produção Vegetal (LPV) e
Marcos Milan, do Departamento de Engenharia de Biossistemas (LEB). O resultado ficou assim:

  • Durval Dourado Neto: 64 votos
  • Marcos Milan: 29 votos
  • Brancos: 02 votos
  • Nulos: 03 votos
  • Total de eleitores: 162
  • Total de votantes: 98

 

O diretor eleito

Luiz Gustavo Nussio possui graduação em Engenharia Agronômica pela USP/ESALQ (1987), mestrado em Ciência Animal e Pastagens pela USP/ESALQ (1993) e doutorado em Animal Sciences – University of Arizona (1997). Atualmente, é professor associado 3 do Departamento de Zootecnia (LZT) da ESALQ. É líder de grupo de pesquisa do CNPq e atua como assessor da FAPESP, CNPq e CAPES. Tem experiência na área de Zootecnia, com ênfase em Manejo e Conservação de Pastagens, atuando principalmente nos seguintes temas: silagem, volumosos, milho, silagens e cana-de-açúcar. Foi membro da diretoria e presidente da Sociedade Brasileira de Zootecnia (2010-2014). É responsável pela organização do International Symposium on Forage Quality and Conservation e chairman do International Silage Conference em 2015. Atua como editor da revista Visão Agrícola e assistente de direção da ESALQ desde 2012.

 

O vice-diretor eleito

Durval Dourado Neto é graduado em Agronomia pela Universidade Federal de Viçosa (1984). Mestre em Agronomia (Irrigação e Drenagem) na USP/ESALQ (1989) e doutor em Agronomia (Solos e Nutrição de Plantas) também pela USP/ESALQ (1992). É pós-doutor em física do solo e modelagem em agricultura junto à Universidade da Califórnia (1993-1995), livre-docente (1999) em Fitotecnia junto ao Departamento de Produção Vegetal (LPV) da ESALQ. Atualmente, é pesquisador científico do CNPq (1A), professor colaborador da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e professor titular (2006) do LPV. Tem experiência nacional e internacional – África: África do Sul, Benin, Burkina Faso, Marrocos e Togo; América do Sul: Argentina, Chile, Colômbia, Guyana, Paraguai, Suriname e Uruguai; América do Norte: Canadá, Estados Unidos da América e México; Ásia: Cingapura, China (Hong Kong), Índia, Indonésia, Malásia e Turquia; Europa: Alemanha, Austrália, Áustria, Bélgica, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, França, Holanda, Hungria, Inglaterra, Itália, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça na área de Agronomia, com ênfase em Modelagem em Agricultura.

 

Deixe um comentário