Aplicativo de organização britânica quer evitar casos de suicídio

Twitter-450x252

Uma organização beneficente inglesa acaba de lançar um aplicativo que pode evitar casos de suicídio. A ferramenta avisa o usuário se algum amigo postou tuites que indiquem desânimo, a fim de antecipar ações contra o suicídio.

Chamado Samaritans Radar, o aplicativo tem funcionamento diretamente ligado o Twitter. Ele identifica mensagens com frases do tipo: “cansado de ficar sozinho”, “deprimido”, “eu me odeio” ou “preciso de ajuda”.

Assim que as mensagens são detectadas, o usuário recebe um e-mail avisando que uma das pessoas que ele segue na rede social postou um conteúdo que revelam abatimento. O aplicativo foi pensado especialmente para pessoas na faixa etária entre 18 e 35 anos, as mais ativas nas redes sociais.

Um estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) publicado este ano aponta o suicídio como “um grande problema de saúde pública” que não é tratado e previnido de maneira eficiente. De acordo com o levantamento, a cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo – cerca de 804 mil pessoas todos os anos.

Deixe um comentário