Cuidadoso

Os textos de diferentes autores publicados nesta seção não traduzem, necessariamente, a opinião do site. Sua publicação obedece ao propósito de estimular o debate e de refletir as diversas tendências do pensamento contemporâneo.

1304076930808Da tamanha desculpa desmedida

Fiz tais linhas tal qual agradecido

Pois de todo cuidado oferecido

Foi dos teus que ansiei por toda vida

 

 

Foste achado a não ser mais escondida

Soubeste reservar, mesmo contido,

Um sorriso sincero e percorrido

Zelador sagaz de toda ferida

 

Em minha gafieira sem matéria

Chegou, afinal, uma nova chama

Que avivou novamente certa artéria

 

Se deságua no soro, rama a rama

A concebida imagem toda séria

E o feitiço fulgaz – divina dama.

 

Deixe um comentário