Arco, Tarco, Verva: Dicionário do Dialeto Caipiracicabano

Batê bem

Não se trata de agressão nem em habilidade para bater, seja o que for que tiver que ser batido. Trata-se de sanidade mental. Quem é são, bom da cabeça, bate bem e, por conseqüência, nego doidão num bate bem. Expressão que pode dar alguma confusão. Deve evitar-se, por exemplo, dizer: “Minha muié num bate bem…” Ou vice-versa. Pois batê tem muita coisa pra sê batida.

Deixe um comentário