Arco, Tarco, Verva: Dicionário do Dialeto Caipiracicabano

Cu doce

O não me toques, não me reles, frescura. No primeiro encontro, mocinha fingir estar toda tímida. Mas hóme experiente, machão, sabe das coisas e abre o jogo: “Vão pará de fazê cu doce e pode i abrino o balaio, bamo lá.”

Deixe um comentário