Piracicaba perde Ademir Chiarotti

int_chiarottiA semana começou triste para o XV de Piracicaba com a notícia do falecimento do ex-atleta do clube, Ademir Chiarotti. Aos 64 anos, Chiarotti era casado e pai de dois filhos: Rafael e Leandro. “Lamentamos muito. Nossas condolências aos familiares. É uma grande perda para o futebol brasileiro”, disse o presidente do XV, Celso Christofolletti.

Ademir iniciou sua carreira esportista como jogador de futebol, no MAF, time amador de Piracicaba, no ano de 1966. Em 1967 foi contratado pelo XV de Piracicaba, já como profissional, permanecendo na equipe até 1969.

Em 1970 foi para o Ferroviária de Araraquara, onde jogou até 1973. De 1974 a 1977 jogou no São Paulo Futebol Clube. Em 1978 foi para a Portuguesa, onde permaneceu até 1980. Voltou ao XV, foi campeão pelo alvinegro em 1983 e se aposentou do futebol. Durante sua carreira, Ademir Chiarotti sempre jogou no meio campo.

Amante do futebol e, ainda com disposição, em 1985 voltou ao XV, agora como gerente de futebol, função que desempenhou até 1991. Em 1992, ainda no XV de Piracicaba, assumiu como técnico do profissional e, com muito trabalho e entrosamento com a equipe, elevou o XV da série B para a Série A do Paulista.

Seu corpo foi velado na Câmara de Vereadores de Piracicaba e o enterro aconteceu na segunda-feira, no Cemitério da Saudade.

Deixe um comentário