Mostra gratuita de cinema discute meio ambiente

trashed_web_trailer_still_8

Piracicaba e mais 17 cidades paulistas sediam em outubro, entre os dias 1 e 29, a 2ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental. A programação gratuita terá filmes de diversos países, classificados em sete eixos: água, cidades, contaminação, economia, globalização, mobilização, e povos e lugares. As produções serão exibidas no Sesc; na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), campus local da Universidade de São Paulo (USP); na Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) e no auditório do Salão Internacional de Humor, no Engenho Central.

Na cidade, a abertura da mostra será na terça-feira (1), a partir das 20h, no Anfiteatro de Engenharia da Esalq, com a exibição do filme Amargas Sementes, seguida de debate. Produção dos Estados Unidos e da Índia de 2011, o filme levanta questões críticas sobre o custo humano da agricultura geneticamente modificada e da apropriação de terras por grandes corporações.

Outros debates serão promovidos no dia 7 na Esalq, após a exibição do filme A Crise Global da Água, e no dia 21 na Unimep, depois de Petróleo, o Grande Vício. No encerramento, no dia 29 no Sesc, também haverá debate após a exibição do filme Trashed. A mostra foi criada em 2012 com o objetivo de chamar a atenção para questões de meio ambiente, sustentabilidade, cidadania, governança, participação e políticas públicas.

“A mostra permitirá tomar conhecimento do debate internacional atual sobre o meio ambiente. Discutirá os impasses gerados pela apropriação descontrolada dos recursos naturais em nosso planeta e pela expansão da civilização contemporânea. Permitirá antever ainda caminhos possíveis que poderão ser trilhados para a construção de um futuro promissor para o homem na Terra”, disse o diretor do evento, Chico Guariba.

Programação
Anfiteatro de Engenharia da Esalq (Avenida Pádua Dias, número 11)
Terça-feira (1º)
20h – Amargas Sementes (sessão seguida de debate)

Segunda-feira (7)
20h – A Crise Global da Água (sessão seguida de debate)

Sesc Piracicaba (Rua Ipiranga, 155, Centro)
Sexta-feira (4)
16h – O Gasoduto

Terça-feira (8)
19h – O Preço da Democracia
21h – A Fé nos Orgânicos

Sexta-feira (11)
16h – Efeito Reciclagem

Sábado (12)
16h – Animais Unidos jamais serão Vencidos

Terça-feira (15)
19h – Aterro
21h – Rios Perdidos

Terça-feira (22)
19h – A Crise Global da Água
21h – Quem Controla a Água?

Terça-feira (29)
19h – Trashed (sessão seguida de debate)

Filme Animais integra programação da
mostra de cinema (Foto: Reprodução)

Auditório do Salão Internacional de Humor de Piracicaba (Avenida Maurice Allain, 454, Parque do Engenho Central)

Sexta-feira (11)
19h30 – Desterro Guarani e Louceiras
21h – O Povo da Pluma

Sábado (12)
19h30 – O Gasoduto
21h – Eco-pirata: A história de Paul Watson

Domingo (13)
19h30 – Rios Perdidos
21h – A Cidade é uma Só?

Segunda-feira (14)
19h30 – Brasil Orgânico
21h – A Fé nos Orgânicos

Quarta-feira (16)
19h30 – Amargas Sementes
21h – Roubando dos Pobres e Pescando sem Redes

Quinta-feira (17)
19h30 – Submissão
21h – Petróleo: o Grande Vício

Campus Taquaral da Unimep (Rodovia do Açúcar, km 156)
Segunda-feira (21)
20h – Petróleo: o Grande Vício (sessão seguida de debate)

Deixe um comentário