Sesi apresenta a peça “Histórias do Caixão do Zé”

A lua cheia, no alto da noite, ilumina um cemitério mal assombrado. Os uivos e os barulhos noturnos anunciam o despertar de um macabro personagem, o Zé. De seu caixão apodrecido, ele tirará as mais terríveis assombrações para expulsar quem ousar adentrar em seu domínio. E essa é uma lição que o novo coveiro vai aprender rapidamente. Apesar de o enredo ser livremente inspirado nos filmes de terror de José Mojica Marins, o famoso Zé do Caixão, ele possui a dose certa de surpresas para prender a atenção do público infantil, sem espantá-lo em demasia.

A montagem é repleta de momentos assustadores e engraçados, produzidos por Zé e seus amigos horripilantes, que ganham vida por meio da técnica de manipulação direta, na qual os titeriteiros ficam visíveis à plateia, numa referência clara à técnica do Bunraku japonês. Originalmente, a técnica de manipulação oriental é realizada por três ou mais atores que produzem, em conjunto, os movimentos de cada títere. Para esta montagem a companhia optou por apenas um ator por boneco, o que dá maior liberdade de ação e possibilita o deslocamento por todo o palco criando dinamismo e precisão às reações propostas.

O ator, diretor, produtor e escritor José Mojica Marins se destacou no cenário cinematográfico brasileiro graças aos seus filmes macabros. As produções deste paulistano são caracterizadas por seus orçamentos baixos, pela criatividade e pelo exagero na utilização das cenas de sangue.

 

SERVIÇO:

Viagem Teatral 2012 – 2ª temporada

Espetáculo: Histórias do caixão do Zé (Cia. Polichinelo de Teatro de Bonecos)

Data e horário: sábado (10), às 16h

Local: Teatro do SESI Piracicaba – Avenida Luiz Ralph Benatti, 60, Vila Industrial

Capacidade: 320 lugares, sendo 10 para cadeirantes.

Gênero: teatro de animação

Duração: 50 minutos

Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 7 anos

Informações: (19) 3403-5928

Entrada franca – os ingressos serão distribuídos uma hora antes do início da apresentação e não será permitida a entrada após o início do espetáculo.

 

Deixe um comentário