Vacinação é prorrogada até sexta em Piracicaba

A megacampanha de vacinação promovida pela Vigilância Epidemiológica de Piracicaba (SP), que tem como finalidade o acerto das carteirinhas de vacina em atraso das crianças com menos de cinco anos, foi prorrogada até a próxima sexta-feira (31) pelo Ministério da Saúde.

Segundo o secretário Municipal de Saúde de Piracicaba, Fernando Cárdenas, esta é mais uma oportunidade para pais e ou responsáveis que ainda não levaram as crianças ao posto de Saúde. “Só quem recebeu a vacina estará protegido contra diversas doenças que podem ser graves”, completou.Durante o período, todas as 63 unidades de saúde (UBS, PSF e Nasf) do município vão avaliar a caderneta dos meninos e meninas com a faixa etária indicada na campanha. Na ação serão oferecidas doses que protegem contra difteria, tétano, coqueluche, pneumonia, hepatite, paralisia infantil, rotavírus, febre amarela, entre outras.

Balanço de Piracicaba

Novo balanço da Vigilância aponta que, nas zonas urbana e rural, 10.137 crianças tiveram a caderneta avaliada. Dessas, 1.772 menores de um ano e 8.365 com idade entre um e quatro anos. Desse total, 1.525 crianças receberam dose de alguma vacina, sendo 686 menores de um ano e 839 entre um e quatro anos.A coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Piracicaba, Fernanda Menini, explica que o número de crianças nessa faixa etária é de 23.953, mas não há como definir uma meta ou estimar quantas serão vacinadas por se tratar de uma campanha apenas de correção das carteirinhas em atraso.

Deixe um comentário