1866: Prudente de Moraes assume a Presidência da Câmara e casa-se

O ano de 1866, já tão distante deste 2007 do século 21, foi importante na vida de Prudente de Moraes, mesmo que ele não pudesse prever o que o destino lhe reservara. Já com problemas de saúde, ele se afastara da Câmara Municipal, onde já brilhava como vereador, mesmo sob regime imperial. No dia 22 de abril daquele ano – coincidentemente, um dia depois da data que viria a ser consagrada a Tiradentes, lutador contra o domínio de Portugal – Prudente assumiu a presidência da Câmara, grande passo para a sua carreira política e, também, para Piracicaba.

No discurso de sua posse, ele fez questão de lembrar ter sido aluno do professor José Romão Leite Prestes, o educador José Romão que também seria perpetuado na história da cidade. Prudente de Moraes era, ainda, solteiro. E, um mês após assumir a presidência da Câmara, ele se casava – no dia 28 de maio – em Santos, com Adelaide Benvinda da Silva Gordo, família também com raízes econômicas e políticas em Piracicaba.

O ano de 1866 guardaria outra grata surpresa para os Moraes Barros: no dia 16 de julho, nasceria Paulo de Moraes Barros, filho do senador Moraes Barros e sobrinho de Prudente, que viria a ser uma das mais notáveis personalidades na vida pública de Piracicaba e brasileira.

Deixe um comentário