Dr. Honorato Faustino de Oliveira

Dr. Honorato Faustino de Oliveira nasceu em Itapetininga em 17 de fevereiro de 1867.

Diplomou-se professor ela antiga Escola Complementar de Piracicaba. Ela atravessava uma faz crítica de desmoralização e desprestigio, poucos alunos. Revelando excepcional tino administrativo, impôs ordem e disciplina, reerguendo o prestígio da Escola. Transformando-se esta em escola Normal de Piracicaba, em 1911, conseguiu Honorato Faustino reunir um grupo de excelentes professores, desse modo, o renome da Escola estendeu-se a todo o Estado.

Cultor da Literatura e da Música, escreveu não só trabalhos pedagógicos, como também poesias e hinos escolares. Escreveu “Lições práticas de pontuação e acentuação do A”, 1919 – SP e “Lições práticas de pontuação do A pela figura da crase” – 1939 – SP.

Enquanto diretor da Escola, Honorato cursou a Faculdade de Medicina da Universidade do Paraná, formando-se em 1920. Fez parte do corpo docente da Escola de Farmácia e Odontologia “Washington Luiz”, fundada por Jorge Silveira, ao lado de outros médicos, como José J. de Ortigão Sampaio, Torquato da Silva Leitão, Benedito de Castro Simões e Paulo Franklin de Souza Elejalde.

Pertenceu à Irmandade da Santa Casa Misericordiosa de Piracicaba de 1906 a 1931.

Em 1928 foi nomeado diretor, em comissão, da escola Normal Livre da Praça da República, em São Paulo. Prestes a se aposentar, aguardava apenas uma promoção, quando, injustamente e por motivos políticos devidos a revolução de 1930, foi, neste ano, aposentado compulsoriamente. Como para reparar a falta, o Governo do estado escolheu seu nome para patrono de um Grupo Escolar em Piracicaba. Decreto, de 24 de agosto de 1950, denominou de Honorato Faustino o Colégio Estadual e Escola Normal da cidade de Capivari.

Faleceu em São Paulo, capital, em 7 de novembro de 1948, com 81 anos de idade.

Deixe um comentário