Saúde inicia campanha de prevenção ao câncer bucal

thumbA Secretaria Municipal de Saúde dá início nesta segunda-feira (15) à Campanha de Prevenção ao Câncer Bucal. Promovida pela Coordenação de Saúde Bucal do município, a campanha será realizada em 37 unidades da rede de Atenção Básica, incluindo Unidades Básicas de Saúde (UBS), Programa Saúde da Família (PSF) e Centro de Referência em Atenção Básica (Crab).

Durante a campanha, a população é orientada e avaliada pelos dentistas da rede municipal de saúde e os pacientes com suspeita são encaminhados para atendimento especializado Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Apesar de ser realizada em paralelo com a Campanha de Vacinação contra a Gripe, toda a população pode procurar a unidade de saúde para avaliação.

De acordo com a coordenadora da Saúde Bucal, Dirce Valério da Fonseca, haverá reuniões educativas sobre o câncer bucal com o objetivo de mobilizar a população para o auto-cuidado, prevenção, diagnóstico precoce, quebra de preconceitos e diminuição do medo da doença. “Vamos fazer reuniões específicas para discutir os fatores de risco do câncer de boca e apontar a importância do exame clínico a cada seis meses. Teremos ainda o exame da cavidade bucal, cuidados gerais de saúde bucal e a orientação para o tratamento odontológico como rotina”, disse.

O câncer bucal é caracterizado por lesão ou ferida ulcerada persistente, de bordos endurecidos e elevados e que não responde a nenhum tipo de tratamento, porém lesões esbranquiçadas ou avermelhadas que comprometem a cavidade bucal, principalmente em fumantes e/ou usuários de álcool, devem ser vistas com cautela, pois são consideradas cancerizáveis e eventualmente podem se tornar malignas.

Nas fases mais evoluídas o câncer bucal provoca mau hálito, dificuldade em falar e engolir, caroço no pescoço, sangue na saliva e perda de peso. “Nem todo machucado na boca é cancer, mas feridas na boca que não saram em duas semanas devem ser examinadas”.

Os fatores de risco da doença incluem o consumo crônico de tabaco e álcool, má higiene bucal, exposição ao sol, desnutrição e imunodeprimidos, dieta pobre em proteínas, vitaminas e minerais e rica em gorduras e álcool.

LOCAIS

A campanha será realizada no CEO, UBSs (Alvorada, Ártemis, Parque Piracicaba, Esplanada, Jupiá, Novo Horizonte, Pauliceia, Anhumas, Ibitiruna, Santana e Tanquinho), PSFs (Boa Esperança 1 e 2, Bosques do Lenheiro 1, Campestre, IAA 1, Itapuã 1, Jaraguá 1, Jardim Oriente, Jardim Vitória, Mario Dedini 2, Vila Fátima, Parque Orlanda, São José, Tatuapé 1, Tupi, Sol Nascente, Chapadão 1, São Francisco e Santa Rosa 1 e 2), além dos Crabs (Cecap, Piracicamirim, Santa Teresinha, Vila Rezende e Vila Sônia).

Deixe um comentário