Nos anos 60, Piracicaba no circuito cultural do país

O início dos anos 60 foi especialmente favorável a Piracicaba, no que se refere ao mundo da cultura e das artes. Já reconhecida como um dos centros musicais do Estado, a cidade passou a integrar os circuitos nacionais e internacionais de artistas e companhias de renome.

Foi em 1960 que aqui se apresentaram, em turnê da Temporada Brasileira de Concertos – que depois se estendeu às capitais da Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai – a cantora lírica Niza Tank, acompanhada pelo pianista Orlando Fagnani. ( No início do século XXI, Niza Tank ainda continuava em atividade como cantora lírica, tendo se apresentado em vários concertos no Teatro UNIMEP e integrando o quadro de professores do Festival de Canto, promovido em Piracicaba e São Pedro nas férias de inverno). Também em 1960, Piracicaba aplaudiu a passagem da Cia Tonia/Celi/Autran, que reunia grandes nomes do teatro brasileiro. Tonia Carrero, Adolfo Celi e Paulo Autran apresentaram a peça “Entre quatro paredes”, de Sartre. O espetáculo teve três apresentações na cidade, naquela que foi a primeira visita da companhia ao interior do Estado. Além de Tonia e Paulo, integravam o elenco o ator Oswaldo Loureiro e a atriz Inês Margarida Rey.

 

Deixe um comentário