Serviço militar era ministrado na ESALQ

Exército – Foto: Gonçalo Oliveira/Olhares

Ao início do século XX, o serviço militar, em Piracicaba, era desenvolvido nas dependências da Escola Agrícola. E integrar-se a ele era uma grande motivação para os moços. Um dos registros sobre a época foi deixado pelo ex-diretor da própria ESALQ, anos mais tarde, Phillipe Westin Cabral de Vasconcellos.

Órfão de pai e mãe, ele foi trazido, em 1909, pelo tutor, para residir no internato que a Escola de Agronomia oferecia. E lembra que, alguns anos mais tarde, quando o serviço militar passou a ser oferecido no local, dirigido pelo “tenente Wanderley e dois outros tenentes responsáveis pela instrução, todos os rapazes se apressaram a mandar fazer a farda, e eu também me entusiasmei”. Mas ao se alinhar junto aos demais, o garoto foi mandado embora pelo militar: tinha apenas 16 anos.

Westin Cabral de Vasconcellos teve, entre seus companheiros de república, naqueles anos, o sobrinho do presidente da República, Manoel Deodoro da Fonseca Hermes e um sobrinho de Armando de Salles Oliveira, José Maria de Salles, segundo registram suas memórias.

1 comentário

  1. Rodrigo Moda em 01/10/2012 às 21:25

    Que ótimo que saiu de lá… universidade não combina com militarismo!

Deixe um comentário