Estação de águas da Imperatriz trouxe Pedro II a Piracicaba

Embora já registrada em vários órgãos de comunicação, o que poucos sabem é que a passagem de D. Pedro II por Piracicaba, em 1886, teve como origem uma recomendação dos médicos da corte para que a Imperatriz realizasse uma estação de águas. O local escolhido foi Poços de Caldas, e Pedro II decidiu acompanhá-la, aproveitando para, então, realizar uma excursão pela zona cafeeira paulista e para inaugurar um novo trecho da Estrada de Ferro Mogiana.

À época, o imperador já enfrentava o problema do diabetes, embora não tivesse diminuído sua disposição.

Antes de passar por Piracicaba, nos primeiros dias de novembro, D. Pedro II dedicou um tempo maior a conhecer fazenda do ministro da Agricultura, conselheiro Antonio Prado, em Ribeirão Preto.

Esteve, ainda, em Batatais, Mogi, Campinas, Porto Ferreira, Jundiaí, Itu, Capivari e, finalmente, Piracicaba. A fase final da excursão compreendeu Rio Claro, Bragança, São Paulo e Santos.

 

 

Deixe um comentário