Fala sério!

Os textos de diferentes autores publicados nesta seção não traduzem, necessariamente, a opinião do site. Sua publicação obedece ao propósito de estimular o debate e de refletir as diversas tendências do pensamento contemporâneo.

OUTRA VEZ O BARJAS

É incrível a capacidade do ex-prefeito Barjas Negri para se envolver em confusão. Por todos os cargos onde passou da administração federal, estadual ou municipal, sempre tem alguma coisa contra ele. Por isso mesmo, nesta coluna achei ridículo, sua participação no primeiro panelaço realizado em Piracicaba contra os desmandos neste país.

O MINISTÉRIO PÚBLICO

Agora o Ministério Público de Piracicaba moveu ação civil contra o prefeito Gabriel Ferrato e o ex-prefeito Barjas Negri, ambos do PSDB, por supostos atos de improbidade administrativa em contrato e aditamentos com a empresa Serget Serviços de Trânsito.

Segundo o MP, licitação e contrato firmado em 2008 entre Barjas e empresa foram irregulares, bem como quatro aditamentos promovidos pelo ex-prefeito.

Ferrato é citado também na ação por ter feito mais dois aditamentos em 2013.

SUSPENSÃO DOS DIREITOS POLITICOS

Além de pagamento de multa civil que ultrapassa R$ 30 milhões, o MP pede a suspensão dos direitos políticos de ambos por oito anos.

A ação é assinada pelo promotor do Patrimônio Público, João Carlos de Azevedo Camargo, e foi protocolada no início do mês.

A empresa Serget foi contratada em 2008 após concorrência pública, durante o governo Barjas, para prestação de serviços de engenharia de trânsito, com sinalização de solo, horizontal e semafórica.

O promotor cita que o TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) julgou irregular esta licitação e contrato.

Camargo cita ainda que a aglutinação dos serviços em uma única licitação teve o propósito de afastar outras empresas do certame.

O primeiro termo aditivo foi firmado em dezembro de 2009, por R$ 4,1 milhões; o segundo por R$ 4,3 milhões em 2010; o terceiro em 2011 por R$ 4,6 milhões e o quarto, com o mesmo valor, em 2012.

Segundo o MP, não houve justificativa para a prorrogação a não ser a necessidade de o município continuar a receber o serviço.

Já o quinto termo aditivo foi firmado durante o governo de Ferrato, em dezembro de 2013 — o contrato não foi prorrogado, mas aumentou R$ 699 mil do valor original. Segundo o MP, estes cinco aditamentos foram julgados irregulares pelo TCE.

Houve ainda um sexto aditamento em dezembro de 2013, de R$ 2,4 milhões, prorrogando por mais seis meses até que nova licitação fosse concluída — esta, também vencida pela Serget, que ainda presta serviços ao município.

No mérito da ação, o MP pede que Barjas pague multa de R$ 27,9 milhões e Ferrato, R$ 3,1 milhões.

O MP ainda requer a suspensão dos direitos políticos dos dois por oito anos. A ação agora segue para fase de defesa prévia.

NA TV CONTRA OS DESMANDOS

O PSDB na segunda-feira utilizou o horário politico para criticar os desmandos no País. Acho que antes de tudo eles deveriam olhar para o próprio umbigo. Não acham?

E NINGUEM VAI BATER PANELA?

Será que agora é a hora? O bilhete de ônibus do transporte coletivo de Piracicaba (SP) passará de R$ 2,95 para R$ 3,30 a partir do dia 4 de outubro de 2015.

Para usuários beneficiados com a tarifa popular, o preço da passagem será de R$ 3,10. Os estudantes pagarão R$1,65. De acordo com a Prefeitura, o cálculo dos novos valores foi desenvolvido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

 

MP PRECISA FISCALIZAR……

A concessionária se compromete a ampliar a quantidade de câmeras de segurança e de sistemas de monitoramento da frota, por meio de GPS, levando mais segurança e cumprimento dos horários aos usuários. Haverá também a implantação de aplicativos digitais que permitirão que o cidadão se informe sobre o ônibus em tempo real. Mas, o MP precisa fiscalizar se os compromissos serão cumpridos.

O “Transporte Especial Elevar”, voltado às pessoas com deficiência, que fazem uso de cadeira de rodas, receberá mais dois veículos. “Serão 14 veículos, sendo 6 vans e 8 micro-ônibus”.

 

Deixe um comentário